quarta-feira, 6 de maio de 2015

O Sagrado Direito a Água

Hoje, temos essa consciência devido aos problemas de abastecimento de água que estão ocorrendo no estado,nas cidades e em especial, aqui, na região do Dumaville. Uma parte desse problema, vem da estiagem que assola o país mas grande parte é problema estrutural de nosso abastecimento de água.  As estruturas de saneamento básico e abastecimento não são obras que se fazem do dia para a noite. Temos em nosso estado e nas cidades, governos recentes e responsabilidade sobre esses problemas é dos dirigentes estaduais e municipais anteriores. Aqueles que estiveram anos nas prefeituras e governos do estado e não investiram na Copasa.  Não podemos ser ingênuos ao culpar os novos governos estaduais e municipais pelo simples fato de serem governos. Precisamos fazer a real avaliação. O nordeste que sempre sofreu com a falta de chuva, hoje,
Água é um direito humano. Não podemos imaginar nossas vidas sem à água. Numa região desconhecida, as primeiras ações são procurar o essencial a vida: água e comida. É inimaginável que um ser humano possa habitar uma região que não tenha água.
Hoje, temos essa consciência devido aos problemas de abastecimento de água que estão ocorrendo no estado,nas cidades e em especial, aqui, na região do Dumaville em Esmeraldas. Uma parte desse problema, vem da estiagem que assola o país mas grande parte é problema estrutural de nosso abastecimento de água.  As estruturas de saneamento básico e abastecimento não são obras que se fazem do dia para a noite. Temos em nosso estado e nas cidades, governos recentes e responsabilidade sobre esses problemas é dos dirigentes estaduais e municipais anteriores. Aqueles que estiveram anos nas prefeituras e governos do estado e não investiram na Copasa.  Não podemos ser ingênuos ao culpar os novos governos estaduais e municipais pelo simples fato de serem governos. Precisamos fazer a real avaliação. O nordeste que sempre sofreu com a falta de chuva, hoje, não sofre tanto como as regiões mais ricas do país que têm sido afetadas com esse problema. Mas isso não quer dizer que não exigiremos a resolução de tais problemas, afinal, é obrigação do poder público e independente do tempo de governo ou partido político. Precisamos de respostas urgentes. 
O racionamento já se estende a vários bairros da região central da capital  ,cidades vizinhas e já se encontra na nossa. Precisamos desde hoje, começar a refletir seriamente sobre essa questão. Montar comissões de moradores, em torno da associação de bairro para discutir o abastecimento de água no bairro e criar mecanismos  para alavancar a luta pelo bem estar dos moradores do Dumaville e região.

Romney Mesquita
Sindicalista pela Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário