terça-feira, 14 de março de 2017

População vaia Temer e grita "Lula" durante inauguração de obras do São Francisco

No sertão nordestino, o povo não engoliu a tentativa de Michel Temer de apropriar-se da Transposição do Rio São Francisco. O presidente levou enorme comitiva, mas não adiantou: foi vaiado e ouviu gritos de "Lula, Lula!" (VÍDEO)
O presidente Michel Temer foi até a cidade de Monteiro, na Paraíba, no último fim de semana, para a inauguração da obra da Transposição do rio São Francisco.
Temer estava acompanhado de grande comitiva de ministros, senadores, deputados e políticos locais. Por isso, imaginava-se, em tese, que a inauguração iria transcorrer de maneira tranquila: os caciques políticos e os seus respectivos currais eleitorais garantiriam blindagem ao presidente.
O presidente Michel Temer foi até a cidade de Monteiro, na Paraíba, no último fim de semana, para a inauguração da obra da Transposição do rio São Francisco.
Temer estava acompanhado de grande comitiva de ministros, senadores, deputados e políticos locais. Por isso, imaginava-se, em tese, que a inauguração iria transcorrer de maneira tranquila: os caciques políticos e os seus respectivos currais eleitorais garantiriam blindagem ao presidente.
Na prática, não foi o que se viu (vídeo abaixo). A reação do povo sertanejo que lá estava indica que eles não esqueceram quem tirou a Transposição do Rio São Francisco do papel e a tornou realidade.
“Olê, olê, olá, Lula, Lula!”, gritavam os populares, que acabaram sendo isolados do evento.
A população local tem razão. De fato, foi o ex-presidente Lula que deu início às obras e a ex-presidente Dilma que a concluiria, caso não tivesse sido deposta do cargo no ano passado por um processo de impeachment encabeçado por Eduardo Cunha e Michel Temer.
VÍDEO:

Nenhum comentário:

Postar um comentário