quarta-feira, 8 de março de 2017

Chico Alencar faz elogio a Aécio em festa de Noblat

Estar na festa de Ricardo Noblat já e suspeito. Mas Alencar foi mais longe e fez elogios ao “Mineirinho”, diferenciando-o de Renan e Jucá.
As informações são da jornalista Thais Bilenki e vêm diretamente do regabofe comemorativo dos 50 anos do jornalista Ricardo Noblat, no badalado restaurante Piantela, em Brasília.
Como era de se esperar para um “jornalista” tão chapa branca que mais parece assessor de imprensa, o convescote foi prestigiado, entre outros, até por Michel Temer.

O presidente é eternamente grato a Noblat por poder contar em cadeia nacional como conheceu a Marcela. Isto graças à pergunta oportuna do homenageado em um antológico programa Roda Viva. O programa foi o mesmo que fez com que Chico Buarque mandasse tirar a sua canção da abertura.
As informações são da jornalista Thais Bilenki e vêm diretamente do regabofe comemorativo dos 50 anos do jornalista Ricardo Noblat, no badalado restaurante Piantela, em Brasília.
Como era de se esperar para um “jornalista” tão chapa branca que mais parece assessor de imprensa, o convescote foi prestigiado, entre outros, até por Michel Temer.

O presidente é eternamente grato a Noblat por poder contar em cadeia nacional como conheceu a Marcela. Isto graças à pergunta oportuna do homenageado em um antológico programa Roda Viva. O programa foi o mesmo que fez com que Chico Buarque mandasse tirar a sua canção da abertura.
Estavam por lá também, como não poderia deixar de ser, o “Mineirinho” Aécio Neves que ganhou, ora vejam vocês, um chameguinho do “combativo” deputado Chico Alencar, aquele do PSOL do Rio de Janeiro, lembram? Sabe-se lá se por efeito dos bebes que corriam pelo buffet ou se por emoção mesmo, Alencar não se conteve e derramou elogios ao neto de Tancredo: “Você tudo bem, mas Renan [Calheiros (PMDB-AL)] e [Romero] Jucá (PMDB-RR), não”, comparou o deputado.
Alencar, então, perguntou sobre como era estar do mesmo lado que os dois —o PSDB é o principal aliado do presidente Michel Temer.
“É isso mesmo”, tergiversou Aécio.
À Folha, Chico Alencar disse que é “um cara derramado, como ele [Aécio], aliás. Não é sinal de submissão”.
Fonte: Revista Forum

Nenhum comentário:

Postar um comentário