sexta-feira, 5 de abril de 2013

Sindicatos Unificados dos Correios debatem com empresa proposta de PLR

reuniao sobre plr 2013 brasilia BOs Sindicatos Unificados dos Correios (SP, RJ, TO, RN e Bauru), organizados em Federação (Findect), participaram de reuniões com a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), em Brasília, para negociar o pagamento da Participação de Lucros e Resultados (PLR) 2013.
Os insistentes protestos dos Sindicatos contra as imposições da ECT, como ocorreu na PLR 2012, levaram a uma prorrogação das negociações.  
Nas reuniões ocorridas, os Sindicatos Unificados apresentaram uma proposta baseada na PLR 2011, que foi objeto de acordo entre  empresa e trabalhadores. Já os negociadores da ECT reafirmaram a proposta por eles apresentada no dia 28 de fevereiro, que traz vários aspectos nocivos aos trabalhadores.
Durante as negociações, a ECT manteve sua postura intransigente. Não abriu mão de suas posições e se limitou a apresentar argumentos para contestar as propostas dos Sindicatos.
A proposta dos Sindicatos prevê pagamento linear da PLR, desconsideração do GCR para compor o valor, bem como critérios menos penosos para faltas e punições. A empresa rejeita tudo isso, e quer usar uma falta injustificada para descontar 50% da PLR, e duas faltas para descontar 100%. Bem como suspensões e o GCR como critérios para composição do valor da PLR, e parcela estratégica de 10%, que beneficia poucos privilegiados.
Veja abaixo o quadro comparativo:
correios TABELA
Fonte texto: Portal CTB

Nenhum comentário:

Postar um comentário